Santa Catarina,
Home A Entidade Ações Diretoria Os Diários Coluna Pelo Estado Contato
Destaque
 
ADI-SC e Adjori-SC, mais fortes e mais presentes
Integração Editorial

Se você vive em uma cidade do interior catarinense, provavelmente está habituado a ver a marca

 

[PeloEstado] 

 

Há mais de 20 anos circulando em jornais diários impressos, e agora também em digitais, essa marca representa a integração editorial dos veículos associados e parceiros da Associação de Diários do Interior

(ADI-SC).

Ela dá nome à coluna diária e também a entrevistas e matérias especiais semanais produzidas para distribuição aos veículos que formam a rede representada pela entidade - Coluna Pelo Estado, Pelo Estado Entrevista e Pelo Estado Especial.

Se, ao contrário, você não está familiarizado com a marca aí de cima, certamente isso vai mudar a partir deste mês de setembro. É que, depois de muitas conversas, as diretorias da ADI-SC e da Associação dos Jornais do Interior (Adjori-SC), a integração editorial vai see ampliada para abranger jornais impressos e digitais, diários e de outras periodicidades, ligados às duas entidades.

Portanto, a partir de agora, a

 

  

[PeloEstado]  

é

ADI-SC

e ADJORI-SC

 

 

 

Mas o que essa integração editorial representa de fato? Em números, podemos apontar alguns dados bem importantes. Por exemplo, dos 295 municípios catarinenses, a abrangência dos veículos representados pela ADI-SC e pela Adjori-SC alcança 239, ou seja, 81% do total de cidades. As duas entidades carregam o forte DNA catarinense, reúnem mais de uma centena de títulos, marcas regionais fortes que dão visibilidade a outras marcas regionais, igualmente fortes.

Por meio da integração editorial, os associados receberão materiais que levam informação, organizada e uniformemente, para as cidades do interior, que serão impactadas e influenciadas por decisões tomadas na Capital, seja do Executivo, Legislativo, Judiciário, Ministério Público ou mesmo das federações que representam setores produtivos.

Em um primeiro momento, o projeto envolve 61 títulos, sendo 19 com circulação diária e 42 com outras periodicidades. Esses veículos estão em 54 cidades-sede, com uma tiragem total declarada de 175.898 exemplares. Para se ter uma ideia do que isso representa, a cobertura obtida com essa iniciativa coloca os títulos da ADI e da Adjori em 23 dos 30 municípios catarinenses com população acima de 50 mil habitantes.

Para o presidente da Adjori-SC, José Roberto Deschamps (Jornal Metas, Gaspar), a união editorial contribui para o fortalecimento do meio jornal, seja ele em papel ou na web. “É uma iniciativa importante, que oportuniza levarmos a informação regional e estadual, com mais abrangência e maior capilaridade a todo estado.

 

Somos e queremos ser ainda mais importantes no dia a dia aos leitores.”

 

Opinião semelhante tem o presidente da ADI-SC, Lenoíres da Silva (Diário do Iguaçu, Chapecó), para quem a decisão mostra a maturidade atingida pelas duas associações. “Já estivemos juntos, passamos um bom tempo separados e agora voltamos a somar nossas forças. É claro que se pretende a sustentabilidade das pequenas e médias empresas de comunicação de Santa Catarina, todas sediadas fora da Capital.

 

Mas também queremos continuar como porta-vozes de nossas comunidades, que confiam nas informações que entregamos.

 

É um patrimônio do qual não podemos abrir mão”, destaca Lenoíres.

A imagem aí de cima representa bem a importância que os jornais têm no dia a dia das cidades. “Se a crise entre China e Estados Unidos interessa, mais relevante ainda para  nossas comunidades é saber sobre a mudança nos horários dos ônibus ou a chegada de um novo médico no posto de saúde, para citar apenas dois exemplos. É para isso que trabalhamos todos os dias. Para entregar conteúdos de interesse para os municípios e regiões onde estão nossas sedes. Com qualidade, agilidade e absoluta credibilidade”, defende Adriano Kalil, vice-presidente de Gestão e Finanças da ADI-SC.

 

Jornais digitais

Até aqui falamos somente dos jornais impressos. Mas, assim como todos os demais setores da economia, também os veículos de comunicação estão sendo provocados a acompanhar os avanços tecnológicos. Alguns dos nossos jornais já não circulam mais em papel e são vários os portais de notícias da rede, boa parte títulos exclusivos do meio digital.

Assim, a integração editorial trará ainda a soma das audiências dos portais RCNOnline (Adjori) e SCPortais (ADI), e seus agregados, num total de 51 sites noticiosos. Os leitores poderão ter acesso às versões digitais dos veículos, além de outras matérias de interesse estadualizado em frequentes atualizações.

Somente no mês de agosto, o SCPortais e o RCN Online somaram 9,3 milhões visualizações de páginas e 2,9 milhões de usuários únicos.

Kalil lembra que esses dados mostram apenas o começo da experiência, que tende a aumentar com a adesão de mais veículos.

 

“Em consequência, mais pessoas e mais municípios serão alcançados pela força da integração editorial.”